Terça, 11 Fevereiro 2020 11:36

RESULTADO DAS 1ª ARMADILHAS OVITRAMPAS /2020 em Buritis

Publicado por
Avaliar
(0 Votos)
       Em Janeiro 2020 foi instaladas as primeiras “Armadilhas Ovitrampas”, pelas Agentes de Endemias (ACE) nos dias 13/01/2020 a 30/01/2020 nos 12 setores do município de Buritis.

Após a instalação das armadilhas que monitora a oviposição do Aedes aegypti (ovitrampas), a Contagem já registra os primeiros resultados positivo, com um total de 8.029 ovos recolhidos só no mês de Janeiro. A equipe da Divisão de Endemias instalou as Ovitrampas nos locais com maior índice de infestação de mosquitos de acordo com as informações dos moradores que aceitaram que colocassem em suas residências, pelo qual detectou alto índice de concentração de ovos nestes locais, mostrando a efetividade da ação. Esse Projeto “Armadilhas Ovitrampas” implantado no município foi de grande valia, pois além do LIRAa (Levantamento de Ìndice Rápido do Aedes aegypti) que verifica o bairro com maior índice de infestação do mosquito Aedes, as Ovitrampas também tem seu papel de monitorar o local com maior presença da Oviposição da fêmea do aedes aegypti, em que a cada postura de ovos na palheta, serão recolhidas para análise e  pesquisa em laboratório, além de tirar de circulação milhares de ovos do mosquitos Aedes que deixarão de nascer, sendo favorável ao município e a população.

A Diretora de Divisão de Endemias de Buritis, informa que medidas estratégicas sempre estão direcionadas em prol a população, seja nas ações do LIRAa, através dos Agentes de Endemias (ACE);  as visitas as famílias realizadas pelos Agentes Comunitários de Saúde (ACS); as Busca Ativas nos casos suspeitos e confirmados por dengue, dentre outros. A mesma ainda ressalta a ausência de inseticidas para o combate ao vetor, pois desde Agosto de 2019 foram suspensos o uso de inseticidas para os bloqueios de dengue (“Fumace”) que eram realizados somente nos casos confirmados de dengue e agora, neste mês de Fevereiro de 2020, o Ministério da Saúde disponibilizou um quantitativo de inseticidas somente para os municípios que se encontram em surto de dengue e o município de Buritis se encontra satisfatório quanto aos casos confirmados pela doença, mas a um aumento excessivo de mosquitos Aedes oriundos das fossas inadequadas e lixos domésticos sendo criadouros propícios para o mosquito. Portanto, mesmo o município de Buritis não estando em surto de dengue, foi disponibilizado uma quantia mínima de inseticidas para bloquear os casos de dengue confirmados para não deixar a população desassistida, porém, se faz necessário a colaboração de todos: quanto à limpeza nos quintais; manter as fossas vedadas; telas nos suspiros das fossas; caixas d’água tampadas; pneus descartáveis em locais cobertos; bebedouros de animais lavados e lixos domésticos adequado nas lixeiras. Se todos contribuírem fazendo a sua parte, não teremos a presença desse vetor trazendo doenças as nossas famílias!


FAÇA SUA PARTE!
JUNTOS VENCEREMOS O MOSQUITO AEDES AEGYPTI!
Buritis RO, 10 Fevereiro 2020.
Regina Maria de M. do Nascimento
Dir.Divisão de Endemias.
Port.048/GAB/PMB/2020


Abraão Sousa - DECOM
Prefeitura de Buritis.
Trabalhando com Seriedade e Eficiência.
Saúde levada a Sério